Oi!

Somos Mari e Bruno, do blog Sim, Vamos! Nós morávamos no Rio de Janeiro, mas decidimos que queríamos mais. Viver uma experiência internacional por um tempo prolongado nos pareceu uma ótima forma de começar uma vida a dois, por isso nos casamos, juntamos todas as nossas economias e viemos estudar inglês na Irlanda.

Nós moramos em Dublin há quase 1 ano e hoje viemos para falar sobre como passear no país de forma barata, fácil e inteligente.

Para começar, é importante esclarecer que a Irlanda é uma ilha dividida em duas partes: Republica da Irlanda e Irlanda do Norte. A primeira faz parte da comunidade europeia e tem o euro como moeda. Já a segunda é parte do Reino Unido e tem como moeda a libra esterlina. Hoje em dia, além da moeda não há muito mais grandes diferenças para turistas, mas fiquem atentos porque com o movimento do Betrix pode haver alguma alteração futuramente.

As duas principais e maiores cidades na ilha – e por isso porta de entradas – são Dublin e Belfast. Sempre por avião ou barco, porque como já sabemos se trata de uma ilha!

Para passear pela cidade de Dublin, indicamos por volta de 3 a 4 dias. Com um dia completo você consegue conhecer o centro histórico, indo a lugares como:

  • Trinitty College e Trinitty Libary onde se encontra um dos livros mais velhos do mundo;
  • St Ptrick Cathedral: padroeiro da Irlanda;
  • Guinnes Factory: famosa fabrica da cerveja irlandesa de cor preta, a Guinnes;
  • Phoenix Park: o maior parque natural da Irlanda, onde você pode visitar uma antiga cadeia, ir ao zoológico e encontrar alguns veados passeando pelo parque;
  • Entre outro lugares incríveis.

Para os demais dias, visite os arredores da cidade e se prepare para paisagens com grandes precipícios, águas cristalinas e muito verde (não a toa a Irlanda também é chamada de Ilha Esmeralda)! Procure por:

  • Howth
  • Bray e Graystones
  • Dun Laoghaire (se pronuncia Dun Liri)

Apesar da língua mais falada no país ser o inglês, o gaélico é muito presente na cultura, por isso grande parte dos nomes de ruas, bairros, regiões e cidades tem uma pronuncia totalmente diferente da escrita. Dá para observar também que todas as placas de transito e de turismo estão primeiro em gaélico e depois em inglês.

Para quem tem um pouco mais de tempo a dica é alugar um carro e fazer uma road trip pelo país. É importante destacar que a linha ferroviária do país é bem completa e dá acesso as principais cidades do interior, mas os pontos turísticos – principalmente os naturais – ficam um pouco longe das cidades, por isso o carro é uma opção melhor. No interior da Irlanda conheça lugares como:

  • Cork
  • Galway com Cliffs of Moher e Parque Nacional Conemara
  • Limerick
  • Dingle
  • Ilhas de Aran (acesso somente entre os meses de março a outubro)
  • Anel de Kerry
  • Belfast com museu do Titanic e The Dark Hedges
  • Derry (cidade das muralhas)
  • Glenveagh National Park
  • Giants causeway
  • The Gobbins
  • Carrick-a-rede (ponte de corda)
  • Mable Arch Caves Goepark
  • Portrush

Algumas dicas importantes:

  1. Aluguel em Dublin é caríssimo, não se assuste. Infelizmente não tem para onde correr;
  2. Se for fazer Irlanda e Irlanda do Norte na mesma viagem não se esqueça de ter euros e libras na carteira;
  3. Apesar de não ser obrigatório, ter a Permissão Internacional para Dirigir é uma boa segurança, já que algumas locadoras exigem;
  4. Aluguel de carro é barato mesmo, isso que você está vendo online não é um golpe;
  5. Se for viajar para outros países da Europa use a companhia aérea low-coast Raynair, mas preste atenção com bagagem. Não é permitido nem mala de mão, ao não ser que você pague por isso. 

Esse foi nosso resumão sobre como viajar pela Irlanda. Se precisar de alguma ajuda ou novas dicas só ir lá no nosso blog. www.simvamos.com.br

E aí vem com a gente?

Sim, Vamos!

Bruno e Mari

Conteúdos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email
Rolar para cima